O Herói…

Me lembro de quando era ainda criança e aquele momento de lágrimas e berros por um raladinho no joelho, o medo nem era ainda pelo machucado, mas sim por não poder mais brincar – e ter que passar aquele remédio pavoroso! – e vinha meu pai na minha direção como o grande ”Herói” daquele momento. Vejo ainda que tudo mudou, crescemos e esquecemos de quando eramos ainda bem pequenos e podíamos nos aconchegar nos braços daquele ser que julgava ser o tal… Como tudo passou tão rápido, como tudo mudou, os abraços e os ”Eu te Amo” se tornaram menos frequentes e foram aos poucos sendo tomados pela brigas e discussões pela tal festa que na hora julgamos nunca acontecer de novo,  como tudo mudou e continua mudando de volta, o se arrepender ou até mesmo não, o que julgamos saber mais e sermos os tais. Aquela grande mentira que contamos pra nós mesmos, dizendo que eles não entendem quando na verdade nós é que não queremos explicar! Bom, agora só nos falta pensar…

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s